Cálculo amostral de pesquisa acadêmica

Calculo de amostra de pesquisa

Faça aqui seu cálculo amostral de pesquisa para trabalho acadêmico, usando calculadora online.

Utilize esta calculadora para saber qual a amostra necessária em uma pesquisa com amostragem aleatória simples sobre variáveis categóricas.




Diferenças entre Tese, Dissertação, Monografia e Projeto de pesquisa

Diferenças entre Tese, Dissertação, Monografia e Projeto
Veja aqui de forma prática quais as diferenças básicas entre Tese, Dissertação, Monografia e Projeto de pesquisa. Os diferentes estilos e modelos de trabalhos acadêmicos para cada fase de estudo.

DISSERTAÇÃO


Documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou exposição de um estudo científico retrospectivo, de tema único e bem delimitado em sua extensão, com o objetivo de reunir, analisar e interpretar informações. Deve evidenciar o conhecimento de literatura existente sobre o assunto e a capacidade de sistematização do candidato. É feito sob a coordenação de um orientador (doutor), visando à obtenção do título de mestre.




7 e-Books com dicas para concursos públicos

ebook dicas concursos

Você que está estudando forte na sua graduação e almejando um diploma superior já pode começar a pensar em ingressar no setor público fazendo um dos concursos na sua área.

Pensando nisso, confira aqui 6 e-Books com dicas para concursos públicos, essas apostilas irão lhe ajudar a alcançar a tão sonhada aprovação.

14 Dicas para Elaboração do Portfólio Unopar (+ e-Book Grátis)

como fazer portfólio unopar

Durante minha graduação (Adm) vi que a grande dificuldade de meus colegas e a minha própria era elaborar um trabalho acadêmico decente, resolvi me empenhar durante um tempo para entender qual a melhor estratégia a ser usada a esse respeito, com as pesquisas consegui resolver meu problema e por tabela desenvolvi um método que vai ajudar você também a construir seu trabalho acadêmico de portfólio ou TCC da UNOPAR de forma tranquila e já enquadrado nas normas da ABNT.

Então com isso vamos começar a entender alguns detalhes importantes, nesse artigo entre outras coisas você vai saber:

- O que é o Portfólio Unopar 

- Para que serve 

- O que acontece se você não fizer

- Quantos Portfólios terá que fazer

- O que são Normas ABNT

- Como pesquisar assuntos

- Como organizar o slides para apresentar




Unopar Cursos: Veja a lista de cursos disponíveis na Unopar

Unopar Cursos

Nesse artigo você vai saber sobre os cursos disponíveis na Universidade Norte do Paraná nas modalidades à distância ou presencial. A lista está subdivida em
licenciaturas, tecnólogo, bacharelados, pós graduação, pesquisa e extensão.

Os cursos ofertados abrangem diversas áreas do conhecimento, o Unopar apresenta três modalidades para você estudar:

Presencial

Você estuda de forma presencial apenas em algumas cidades, nas unidades de Arapongas, Bandeirantes, Londrina Piza, Londrina Catuaí, Londrina Tietê, Londrina Shopping Boulevard, Ponta Grossa e Cascavel.

Semi Presencial

Oferece a vantagem de você estudar e fazer suas tarefas online e comparecer apenas 1 vez por semana ao polo, são diversas cidades que possuem polos da Unopar, para consultar a mais próxima de você acesse 👉 Unopar Polos.

100% Online

Nessa modalidade o aluno só irá ao polo 1 ou 2 vezes por semestre/período para realizar uma prova, o restante das atividades são todas via web.


Modelo TCC UNIC (Universidade de Cuiabá)

Modelo tcc unic ABNT


Nesse artigo você vai aprender como elaborar e formatar seu trabalho acadêmico da Universidade de Cuiabá (UNIC) e também baixar um modelo em Word para editar seu TCC.

Serão apresentadas a seguir, somente as regras referentes à estrutura de trabalhos acadêmicos tipo monográfico, considerados como TCC e semelhantes pela Norma ABNT (NBR 12225, 2006).

Outros tipos de TCC desenvolvidos na UNIC tais como Projeto experimental, Relatório de estágio, artigos de periódicos serão tratados individualmente ainda nesta Parte I sobre a estrutura e formato de trabalhos acadêmicos.


A estrutura do Trabalho Acadêmico Tipo Monográfico compreende:

Ø Elementos pré-textuais obrigatórios, que são: capa, folha de rosto, folha de aprovação, resumo na língua vernácula, Resumo em língua estrangeira e Sumário;

Ø Elementos pré-textuais opcionais, que são: lombada, errata, dedicatória, agradecimento, epígrafe, Listas de ilustrações, tabelas, abreviaturas, siglas e símbolos.

Ø Elementos Textuais: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão;

Ø Elementos Pós-textuais obrigatórios: Referências;

Ø Elementos pós textuais opcionais: Glossário, Apêndice, Anexos e Índice.

Esta ordem estrutural deve ser seguida na elaboração do trabalho, conforme a NBR 14724:2005.

ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS 


Partes iniciais do trabalho:

Capa (obrigatório)

Lombada (opcional)

Folha de Rosto (obrigatório)

Modelo folha de rosto UNIC



Verso da Folha de Rosto (opcional)

Verso folha de rosto TCC UNIC

Errata (opcional)

Folha de aprovação (obrigatório)

Dedicatória(s) (opcional)

Agradecimento(s) (opcional)

Epígrafe (opcional)

Resumo na língua vernácula (obrigatório)

Resumo em língua estrangeira (obrigatório)

Lista de ilustrações (opcional)

Lista de tabelas (opcional)

Lista de abreviaturas e siglas (opcional)

Lista de símbolos (opcional)

Sumário (obrigatório)

ELEMENTOS TEXTUAIS 


Formato de apresentação e Redação do texto do trabalho

Introdução

Desenvolvimento

Conclusão

ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS 


Complementares e de Apoio

Referências (obrigatório)

Glossário (opcional)

Apêndice(s) (opcional)

Anexos (opcional)

Índices (opcional)

MODELO TCC UNIC (WORD)


SAIBA MAIS AQUI 





CONCLUSÃO 


Você obteve aqui todas as informações para saber como elaborar seu trabalho acadêmico (TCC) da Universidade de Cuiabá UNIC, e também pôde baixar o modelo pré formatado. O que achou desse material? Deixe um comentário abaixo com suas considerações.


VEJA TAMBÉM


- 3 Exemplos de Fundamentação Teórica
- Normalização Trabalhos UNIC ABNT
- Dicas de Estudo P/ Concursos
- Mais Sobre Memorização e Estudo

Faça seu TCC com o orientador virtual Monografis

Software monografis orientador tcc

Nesse artigo você vai obter todas as informações sobre o Monografis 2.0, um programa que funciona como orientador (só que virtual),  criado para ajudar estudantes a elaborarem passo a passo uma monografia até a apresentação final.

Se você está precisando de auxílio para começar a desenvolver sua monografia, artigo ou TCC, ou não está sabendo como concluir, essa é a ferramenta certa que irá mostrar o caminho mais RÁPIDO e eficaz para conclusão do seu trabalho acadêmico.

📌 Elaboramos um Quiz que explica tudo o que você precisa saber sobre o Monografis 2.0


Como estudar para concursos eliminando os bloqueios mentais

Técnicas para desbloquear a mente

Para progredir no aprendizado não basta estudar sem parar, antes de qualquer coisas é preciso eliminar os bloqueios mentais e emocionais que emperram o desenvolvimento da compreensão e assimilação de conteúdos.

De nada adianta tentar aprender sem pensar equilibradamente, as emoções afetam diretamente a parte do cérebro responsável pelo aprendizado, por isso se liga nesse artigo para descobrir 👉 Como estudar para concursos eliminando os bloqueios mentais.

Pode ter certeza que colocando em prática essas dicas valiosas sua mente entrará no estado da arte e produzirá muito mais (➕), confira a lista de bloqueios que você tem que eliminar do seu cérebro para viver em alta performance:


Modelo de TCC UNICSUL (Universidade Cruzeiro do Sul)

Modelo de TCC UNICSUL

Como formatar uma Monografia ou trabalho de conclusão de curso (TCC) da Universidade Cruzeiro do Sul EAD (UNICSUL), baixe as orientações e o modelo em Word para realizar seu trabalho.

Todo trabalho acadêmico (em especial, as dissertações e teses) deve adotar uma estrutura que privilegie a compreensão total do texto. Essa estrutura se constitui em três partes, de acordo com ABNT NBR 14724, ou seja, em pré-texto, texto e pós texto

O corpo do trabalho pode sofrer alterações em função do tipo de pesquisa e das necessidades de desdobramentos das partes (capítulo), conforme o conteúdo.



Pré-Texto



O pré-texto é composto pelas páginas que antecedem o corpo principal do trabalho, aqui denominado como texto. 


Capa (Obrigatório)



A capa, que é padrão, contém as seguintes informações: o nome da Instituição, o nome do Programa e a especificação de Mestrado ou Doutorado. 

Folha de Rosto e Verso (Obrigatório)

Esta folha deve conter todos os dados de identificação da publicação,
incluindo nota com informação específica sobre grau, curso, área de concentração e título, número do volume, se houver mais de um. 


Os dados são:

  • Nome da instituição;
  • Nome do programa;
  • Nome do curso ou ·rea;
  • Título da dissertação ou tese;
  • Nome do autor ;
  • nome do orientador e co-orientador, se houver;
  • nota específica sobre a dissertação ou tese, e
  • local e data


Folha de Aprovação (Obrigatório)


Esta folha deve ser assinada por todos os membros da Banca Examinadora no dia da defesa.

Deve conter:

  • Título da dissertação ou tese;
  • Autor;
  • Nota informando se é dissertação ou tese;
  • Orientador e co-orientador, se houver;
  • Nome completo dos membros da banca examinadora, local para assinatura e
  • Instituição;
  • Local e data de aprovação



Páginas Preliminares (Opcional)



São dedicatórias na qual o autor dedica seu trabalho ou presta homenagem a alguém;

Agradecimento(s): registrar aqui os agradecimentos às instituições e/ou
agências de fomento à pesquisa e aos bolsistas que colaboraram no decorrer do trabalho, se estas situações existirem. 

Todo o texto deve ser centralizado na página, não se deve alterar a formatação do texto usado no modelo desta publicação. O conte˙do deve ser claro e objetivo, evitando-se par·grafos longos

Epígrafe: citação de um pensamento relacionado ao conteúdo da publicação.


Resumo (Obrigatório)



O resumo deverá estar inserido numa única página, encabeçada pela referência do próprio trabalho e finalizando com a indicação de palavras-chave. 

Deve ser redigido na 3ª pessoa do singular, com o verbo na voz ativa, não
ultrapassando 500 palavras. Não se deve usar margem antes de parágrafos. Deve- se evitar fórmulas, equações e símbolos que não sejam de uso corrente. Sugere-se uma sequência de parágrafos com o seguinte conteúdo:

1 Parágrafo - geral, situando o trabalho;
2 Parágrafo - objetivos;
3 Parágrafo - descrição da metodologia (material e métodos);
4 Parágrafo - relato da própria experiência;
5 Parágrafo - resultados obtidos;
6 Parágrafo - Conclusão: 
- aspectos positivos, 
- avanços / progressos. 


Abstract (Obrigatório)



Todo o conteúdo da página de Resumo (item 2.1.5) deverá ser traduzido para o inglês, incluindo as palavras-chave.


Lista de Ilustrações (Opcional)



Deve conter relação de ilustrações (desenho, figuras, gráficos, esquemas, fotos, quadros etc.) na mesma ordem de apresentação do texto, com indicação de página.

Lista de Tabelas (Opcional)


Deve conter relação de tabelas na mesma ordem de apresentação do texto, com indicação de página.

Lista de Abreviaturas e Siglas (Opcional)


Devem-se relacionar as siglas utilizadas no texto, com seus respectivos significados e unidades no sistema internacional de unidades (SI), separadas em: Latinas, Gregas, Superescritos, Subscritos, Abreviaturas e Siglas.

Lista de Símbolos (Opcional)


Devem-se relacionar os símbolos utilizados no texto, com seus respectivos
significados e unidades no sistema internacional de unidades (SI), separados em: Latinos, Gregos, Superescritos e Subscritos.

Sumário (Obrigatório)


Apresenta a enumeração das partes da publicação, na ordem e grafia em que
aparecem no texto, precedidas de indicativo numérico da seção/capítulo, e seguidas da indicação da página correspondente (norma ABNT-NBR-6027), 

Observações:

As páginas que antecedem o sumário não devem constar no mesmo. O sumário dever· conter todas as seções e subseções adotadas pelo autor. Deve-se utilizar numeração progressiva para indicação das seções e subseções (Norma ABNT-NBR-6024).

Texto


Os itens que seguem podem ser subdivididos em mais de um capítulo, de acordo com o conte˙do e especificidade do tema desenvolvido pelo autor.

Introdução


Deve apresentar uma vis„o global da pesquisa, incluindo: breve histórico,
importância e justificativa da escolha do tema, delimitações do assunto, formulação de hipóteses e objetivos da pesquisa. Pode ser apresentado um parágrafo final com sucinta descrição da estrutura da dissertação ou tese.

Revisão da Literatura (ou Revisão Bibliográfica, Estado da Arte, Estado
do Conhecimento)

O autor deve registrar seu conhecimento sobre a literatura básica do assunto, discutindo e comentando a informação já publicada. 

A revisão deve ser apresentada, preferencialmente, em ordem cronológica e, se for o caso, subdividida por grandes assuntos, procurando sempre mostrar a evolução histórica do tema.

Metodologia e Corpo da Dissertação/Tese


Deve apresentar a metodologia utilizada no desenvolvimento da pesquisa para que a mesma possa ser reconstituída. Deve também apresentar descrição das

experiências e a metodologia para a obtenção de resultados.

Resultados e Discussões


Deve-se descrever detalhadamente os dados obtidos pelo autor. Normalmente, são incluídas ilustrações, como: quadros, tabelas, gráficos etc. Sugere-se efetuar a comparação dos dados obtidos e/ou resultados com aqueles descritos na revisão de literatura, incluindo os comentários sobre os estudos de outros autores.

Conclusões e Sugestões


Deve-se finalizar o trabalho com uma resposta às hipóteses especificadas na
introdução. O autor deve manifestar seu ponto de vista sobre os resultados obtidos; não se deve incluir neste capítulo novos dados. 

A partir da dissertação ou tese, alguns assuntos que foram identificados como
importantes para serem explorados poder„o ser sugeridos como temas para novas pesquisas.

Referências


Deve-se apresentar o conjunto de documentos citados no texto em ordem alfabética de sobrenome de autor. Observar as Normas de Referências da ABNT - NBR 6023 ou Vancouver.

Bibliografia (Opcional)


Deve-se apresentar os documentos utilizados para a elaboração da dissertação ou tese, que n„o foram citados no texto, em ordem alfabética de sobrenome de autor.

Glossário (Opcional)


Apresenta o conjunto de termos pouco conhecidos e específicos da área, utilizados no texto, com as respectivas definições, em ordem alfabética.

Apêndice(s) (Opcional)


Para não quebrar a sequência lógica do texto, o autor pode apresentar tabelas, quadros e outras informações, de autoria própria, em Apêndices. Cada apêndice deverá ser identificado por letras maiúsculas e ter título próprio. A paginação do Apêndice é contínua e sequente à do texto.

Anexo(s) (Opcional)


Para não quebrar a sequência lógica do texto, o autor pode apresentar tabelas, quadros e outras informações obtidas ou publicadas por outros autores, em Anexos. Cada anexo deverá ser identificado por letras maiúsculas e ter título próprio. 

paginação dos Anexos é contínua e sequente à do texto.

Índice(s) (Opcional)


Relação de palavras ou frases, ordenadas segundo determinado critério, que

localiza e remete para a página das informações contidas no texto.

Orientações sobre Citações, Notas e Ilustrações


Para a citação de autores, no corpo do trabalho, deve-se adotar Autor (data), por exemplo: Salles (2005). No caso de citação direta, transcrita, ou de figuras, especificar após a data, a página da referida citação, por exemplo: (VANALLI, 2004, p.17). 

O uso de chamada numérica deve ficar restrito às notas de rodapé, para
explicações específicas e não para referências. 

Todo autor citado deverá constar do item REFERÊNCIAS, no final da publicação, referenciado conforme a norma ABNT - NBR 6023, em uma única ordem alfabética de sobrenome de autor. 

As ilustrações poderão ser apresentadas em tabelas (quando incluir dados numéricos) e figuras (para as demais ilustrações). 

Recomenda-se respeitar os destaques (negrito e maiúscula) nos títulos das
ilustrações. No caso de tabela, o título se localiza acima da mesma e no caso de figuras, localiza-se abaixo. Em qualquer tipo de ilustração citada, a fonte deverá ser mencionada abaixo da mesma. 

As citações diretas (transcrições), com mais de 3 linhas, devem ser digitadas com espaçamento simples e com recuo de 4 cm da margem esquerda da folha. As citações indiretas criadas com base na obra de autor consultado, em que se reproduz o conteúdo e ideias do documento original dispensa o uso de aspas duplas.

APRESENTAÇÃO GRÁFICA


Com a finalidade manter a mesma qualidade gráfica da produção acadêmica
discente, são apresentadas as diretrizes a serem seguidas na elaboração das
dissertações e teses, que se referem à: formatação do texto, paginação e impressão.

Formatação da Página


A formatação de todas as páginas deve respeitar as seguintes características:

Tamanho da Folha: A4 (21,0 x 29,7 cm);

Margens: superior: 3 cm; inferior: 2 cm; esquerda: 3 cm; direita: 2 cm;

Fonte: Arial;

Corpo do texto: tamanho da fonte: 12 pts. Espaçamento depois: 12 pts. 

Espaçamento entre linhas: 1,5 linha. 

Justificação: total (deve-se justificar o texto na folha);

Sessão primária (Título): tamanho da fonte: 14 pts, em negrito e caixa alta. 

Espaçamento depois: com 42 pts. 

Espaçamento entre linhas: 1,5 linha. 

O texto deve ser justificado à esquerda;

Sessão secundária (Subtítulo): tamanho da fonte: 12 pts, em negrito, sendo a
primeira letra de cada palavra em maiúscula. 

Espaçamento Antes: com 12 pts. 

Espaçamento depois: com 24 pts. 

Espaçamento entre linhas: 1,5 linha. O texto deve ser justificado ‡ esquerda;

Sessão terciária (Subtíulo): tamanho da fonte: 12 pts, em negrito, sendo a
primeira letra de cada palavra em maiúscula. 

Espaçamento Antes: com 12 pts. 

Espaçamento depois: com 12 pts. 

Espaçamento entre linhas: 1,5 linha. 

O texto deve ser justificado à esquerda;

Cabeçalho e Rodapé: 


O cabeçalho deve ser posicionado a 2 cm da extremidade superior da folha. O rodapé deve ser posicionado a 2 cm da extremidade inferior da folha. Em ambos os casos, o tamanho da fonte deve ser igual à 10 pts. 

Citações Longas: 


as citações longas (mais de três linhas) devem ser posicionadas com parágrafo de 4 cm da margem esquerda da folha. O tamanho da fonte deve ser igual à 10 pts.

Impressão


Para publicações com até 150 folhas, recomenda-se que seja utilizado apenas um lado da folha para a impressão. Entretanto, nas situações em que o número de folhas ultrapassar este limite, a impressão deve ser realizada em ambos os lados da folha. 

O referido limite foi estabelecido em função da capa utilizada para encadernação. 

Nos casos em que o documento ultrapassar 150 folhas, mesmo com a impressão em ambos os lados, a obra deve ser publicada em mais de um volume. 

As páginas que antecedem o primeiro capítulo da publicação, as quais são denominadas pré-texto, devem ser impressas em apenas um lado da folha. A impressão em dois lados deve ser iniciada no corpo de texto do trabalho (item 2.2).

Paginação


Todas as folhas do trabalho, a partir da folha de rosto, devem ser contadas
sequencialmente, mas n„o numeradas. A numeração é colocada a partir da primeira folha da parte textual, em algarismos arábicos, no canto superior direito da folha, a 2 cm da borda superior, ficando o último algarismo a 2 cm da borda direita da folha. 

No caso do trabalho ser constituído de mais de um volume, deve ser mantida uma sequência de numeração das folhas, do primeiro ao último volume. Em havendo apêndice e anexo, as folhas devem ser numeradas de maneira contínua e sua paginação deve dar seguimento à do texto principal.

A estratégia de numeração das páginas é definida em função da impressão da
publicação, ou seja, se a mesma é realizada em apenas um lado da folha ou em ambos os lados. 

Para publicação impressa em apenas um lado da folha, o número da página deve ser posicionado no canto superior da mesma, dentro de seu cabeçalho com justificação à direita. Já as publicações que forem impressas nos dois lados da folha, a numeração das páginas pares e Ímpares se diferem, sendo:

Páginas pares: 


A numeração deve ser posicionada no canto superior, dentro do
cabeçalho da mesma, com justificação à esquerda;

Páginas Ímpares: 


a numeração deve seguir o mesmo padrão das publicações que são impressas em apenas uma lado da folha.

Todo início de capítulo deverá ocorrer em nova página. No caso de impressão nos dois lados da folha, o capítulo deverá iniciar em página ímpar. 

Podem ocorrer casos em que a página anterior fique totalmente em branco, entretanto, a mesma é considerada durante a numeração e não deve, evidentemente, receber os algarismos da numeração. 

A página inicial do capítulo é contata, porém, a numeração deve ser omitida.

MODELO DE TCC UNICSUL


Confira um modelo padronizado de um trabalho acadêmico de pós graduação da UNICSUL:

SAIBA MAIS AQUI 





CONCLUSÃO


Este texto, em sua primeira versão, está disponível na página da Pré-reitoria de Pós- graduação e Pesquisa (www.unicsul.br/pos) e na página da Biblioteca
(www.unicsul.br/biblioteca). Para facilitar o uso destas diretrizes, o aluno poder· criar seu próprio arquivo a partir dos modelos contidos nos anexos, respeitando toda a formatação adotada. 

Assim, quando da conclusão da dissertação ou tese, seu trabalho estará em condições de ser avaliado, também, pelo aspecto da apresentação, conforme as normas brasileiras de documentação. 

Os Anexos que seguem contém modelos organizados em três partes, seguindo a mesma subdivisão sequencial apresentada neste documento: Pré-texto, texto e, pós texto. 

Deve-se também esclarecer que os exemplos não estão acompanhados de regras, pois elas constam das normas da ABNT, as quais recomenda-se que sejam adquiridas pelos usuários. 

Foram utilizados e adaptados modelos das seguintes fontes:

BAPTISTA, E. A. Desenvolvimento de um sistema especialista para a
otimização do processo de usinagem. 2000. 194 f. Dissertação (Mestrado em
Engenharia de Produção)Faculdade de Engenharia Mecânica e de ProduÁ„o, Universidade Metodista de Piracicaba, Santa Bárbara doeste, 2000. 

CASTRO, M. V. Uma proposta de um Ambiente Virtual Colaborativo para o
Ensino de Astronomia. 2006. 100 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de
Ciências e Matem·tica) Universidade Cruzeiro do Sul, S„o Paulo, 2006. 

FIGUEIREDO, F. F. Educação superior e mobilidade social: limites, possibilidades e conquistas. 2006. 241 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.

VEJA TAMBÉM


- 3 Exemplos de Fundamentação Teórica
- Software Orientador de TCC
- Modelo TCC Faculdade Anhanguera
- Memorização e Estudo

Modelo de TCC Faculdade Anhanguera EAD

Modelo de TCC Faculdade Anhanguera

Nesse artigo você vai obter todas as informações de como elaborar e formatar seu TCC ou monografia da faculdade Anhanguera, e baixar um Modelo padrão em Word para produzir seu trabalho acadêmico Anhanguera EAD.

A apresentação de trabalhos acadêmicos da Universidade Anhanguera segue regras convencionadas pela comunidade científica internacional e normatizadas em cada pais com o propósito de estabelecer parâmetros científicos de escrita e estruturação dos mesmos.

No Brasil a normatização é dada pela Associação Brasileira de Normas Técnicas
(ABNT) e aborda os seguintes aspectos:

 Apresentação;

 Diagramação;

 Tratamento da bibliografia utilizada.


APRESENTAÇÃO DAS NORMAS


o NBR-6023: Referências Bibliográficas;

o NBR-6024: Numeração Progressiva das Seções de um Documento;

o NBR-6026: Legenda Bibliográfica;

o NBR-6027: Sumário;

o NBR-6028: Resumos;

o NBR-14724: Apresentação de Trabalhos Acadêmicos;

o NBR-10520: Apresentação de Citações em Documentos.

Fundamentação teórica e modelo de projeto de pesquisa

Fundamentação teórica e modelo de projeto de pesquisa

O projeto de pesquisa constitui-se num documento que apresenta, detalhadamente, o planejamento do caminho que será empreendido para a execução de uma investigação científica, e, com isso, na elaboração de um conhecimento científico novo. Na metodologia comum do ensino EAD sua apresentação gráfica é a mesma do Artigo Científico.



COMPONENTES DO PROJETO DE PESQUISA


Na definição dos caminhos a serem percorridos pelo pesquisador o projeto deve oferecer respostas para as seguintes perguntas:

1. O que pesquisar dentro de minha área de formação? (escolha do tema, sua delimitação e problemática)

2. Por que pesquisar? (Justificativa) 

3. Para que pesquisar? (Objetivos) 

4. Qual a concepção norteadora da pesquisa (Fundamentação Teórica)

5. Como pesquisar? (Metodologia) 

6. Quando pesquisar? (Cronograma) 


1 DEFINIÇÃO DO TEMA 



O TEMA é o assunto de interesse do pesquisador. Trata-se da escolha de uma área do conhecimento a ser melhor investigada. 

Exemplos:

- Sigilo bancário 

- Gestão de Recursos Humanos

- Assédio moral

Modelo de Artigo Científico para faculdade presencial e a distância (EAD)

modelo artigo cientifico pronto

O objetivo deste documento é esclarecer aos interessados como deve ser o formato utilizado nos artigos a serem submetidos ao final de uma graduação presencial ou a distância. Este documento está escrito de acordo com o modelo indicado para a formatação dos artigos; assim, serve de referência, ao mesmo tempo em que comenta os diversos aspectos da formatação.

Observe as instruções e formate seu artigo de acordo com este padrão. Lembre-se que uma formatação correta contribui para uma boa avaliação do seu trabalho.

Você vai saber aqui como fazer um artigo científico padronizado, também vai poder baixar um modelo de artigo científico pronto, que com certeza irá lhe dar uma rota muito mais segura para elaborar o seu artigo científico rápido.


Se você estuda na Unopar, ou em qualquer outra faculdade EAD, poderá usar esse modelo  para fazer um artigo científico de serviço social, ou um artigo científico de administração, que são alguns dos cursos mais requisitados atualmente.