Regras da ABNT Para Formatar Trabalho Acadêmico UNOPAR

Regras ABNT UNOPAR

Todos os trabalhos e portfólios da Unopar como de outras universidades EAD seguem normas estabelecidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT. 

Confira abaixo como funcionam essas normas. 

1 ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS 


São as páginas que antecedem o corpo (introdução, desenvolvimento, conclusão e referências) do trabalho. Sendo indispensáveis à maioria dos trabalhos acadêmicos e incluem:

a) a capa
b) folha de rosto, e
c) índice ou sumário.



A CAPA DO TRABALHO ACADÊMICO


Margens superior e esquerda: 3cm 

Margens inferior e direita: 2cm

Letra: Arial ou Times

Tamanho da letra: 14 (maiúscula) e do título 16

Trabalho corretamente digitado e impresso em folha A4.

Conforme padrão da instituição na folha de capa deve conter:


Capa trabalho Unopar


a) no cabeçalho constam o nome da instituição e o curso;

b) em seguida, aparece o nome do aluno;

c) abaixo do nome do aluno está o título do trabalho;

d) segue-se local, ano e semestre de realização do trabalho.


A FOLHA DE ROSTO DO PORTFÓLIO DEVE CONTER:



O nome autor do aluno ou equipe (grupo) no topo da página;

O título do trabalho e subtítulo;

Após o título, há um texto de apresentação;

Se for TCC segue-se o nome do orientador;

Indicação de local, mês e ano de realização do trabalho.

Entre a folha de rosto e a introdução podem constar:


a) Epígrafe - citação chaves ligadas ao tema do trabalho; 

b) Apresentação - especificando o motivo da realização do trabalho;

c) Sumário - tópicos e sub-tópicos do conteúdo;

d) Índice - para trabalho com conteúdos isolados. 


SUMÁRIO


Para trabalhos de Portfólio, TCC, Monografias, Dissertações e Teses, usa-se "Sumário". 

O sumário deve apresentar o número da página de cada conteúdo dos itens ou capítulos.

Títulos e subtítulos com letras diferenciadas, usa-se maiúscula com negrito em títulos e maiúscula sem negrito em subtítulos.

Monografias, dissertações e teses também podem constar: 

Ficha catalográfica; errata; folha de aprovação; dedicatória; agradecimentos, resumo e listas de abreviaturas, de tabelas, de figuras e de gráficos.

2 ELEMENTOS TEXTUAIS (Desenvolvimento)


O corpo do portfólio pode ser um resumo, resenha, artigo, projeto, relatório de estágio, monografia, dissertação, TCC, tese entre outros. 

Fica organizado entre o pré-texto (apresentado acima) e os elementos pós-textuais. 

Geralmente é como uma redação que deve ser digitada com letra tamanho 12, e com espaçamento de parágrafos de 1,5pt entre linhas. 

Recuo na primeira linha de até 2cm ou espaçamento de 12pt entre eles. 

1 CITAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS


A citação é uma referência de outro autor no texto. O escritor cita essas ideias e deve indicar a fonte de onde foi extraída a citação, como livros, revistas, jornais, anais, leis e endereços da internet. Os dados das fontes das citações devem ser completos para viabilizar a localização de quem nelas queira buscar aprofundamento. 

Nos trabalhos da Unopar essas fontes são listadas no fim do texto sob o título de “Referências Bibliográficas” mas em outras faculdades podem ser colocados em notas de rodapé. Observando-se a contracapa de livros e as últimas folhas de artigos científicos, pode-se encontrar os dados completos das fontes e autores. E são indicadas pelo sistema autor-data ou pelo sistema numérico, ambos descritos a seguir.




OS 3 TIPOS DE CITAÇÃO 


1 - CITAÇÃO DIRETA


É a transcrição literal de um texto ou de parte dele podendo ser:

a) curta
b) longa
c) com omissão de trechos;
d) com destaques a trechos;
e) acrescidas de explicações.

Citação com até três linhas (curta)

As citações curtas, de, no máximo duas linhas, são aquelas inseridas entre aspas dentro dos parágrafos, devendo seguir quanto a isso a mesma estrutura da letra do mesmo em forma e tamanho. Não sendo colocadas em itálico, negrito, sublinhado. Se existirem aspas dentro do texto citado, estas devem ser substituídas por apóstrofo para não se confundirem com as aspas que delimitam a citação:

EX:

O geocentrismo é o “resultado da multiplicação da intensificação das relações que se estabelecem entre agentes geográficos situados em outros pontos ‘constituindo um processo’ que requer a abertura dos métodos educacionais”. 

Citação longa (mais de 3 linhas)

Devem aparecer em parágrafo à parte, sem aspas, com letra menor tipo fonte 10 e espaçamento simples, além de recuo de 4cm da margem direita em todas as linhas. 

EX:

A importância da produção de algodão nacional já foi destacada em 1985. Considerando o período como um todo, sua participação na área cultivada total praticamente não se altera (8,6% em 1965; 9,0% em 1980) e aumenta o seu nível de produção em cerca de 60%. Dessa forma, os Estados de Minas e Paraíba, com apenas 18,% da área dedicada ao cultivo no Brasil, eram responsáveis por 73% da produção nacional em 1983. (Autor Ano)


😉 SUPER RECOMENDADOS


- 6 Modelos de banners para apresentar TCC
- Escrita em blocos, a técnica infalível de Douglas Tybel
- O Segredo para ler 3x mais rápido
- Jovem mostra como passou em 10 concursos federais

Omissão em citação

Não é necessário copiar todo o trecho de um texto que se deseja citar. Pode-se suprimir parte de sua seqüência de forma que não altere o seu sentido. indicando para tanto, o uso de reticências entre colchetes [...]. 

EX:

A base técnica da produção agropecuária “[...] traz como conseqüência uma organização da produção, com o uso dessa ferramenta promovendo um aumento na produtividade da mão de obra”. 

Destaque em citações

Usa-se negrito seguido da expressão sem grifo no original, entre colchetes, imediatamente após a palavra ou frase para dar destaque a palavras ou frases em citações, deixando tácito que essa ênfase não aparece no texto original.

EX:

“A anuência do mercado consumidor diferenciado [sem grifo no original] e de atividades de produtos agrícolas com ligações conexas criaram as bases da urbanização.” 


a) Acréscimos e/ou explicações em citações devem aparecer entre colchetes;

EX:

"Não iremos desconsiderar essa crise [refere-se aos incidentes] alvoroçada." 

b) Incorreções e incoerências na citação são indicadas pela sigla [sic], entre colchetes, imediatamente após a ocorrência;

EX:

"Alguns país [sic] ibero-americanos convergem da abordagem econômica internacional."

O “sic” aqui é  significa “assim mesmo” e serve para que o leitor entenda que o erro não foi cometido por quem citou e sim pelo autor da obra original. 

c) Dúvidas em citação usa-se o ponto de interrogação [?] entre colchetes, após a palavra que as gerou.

Exemplo: 

"Mulheres submissas são inculpadas [?] de seus desvelos."


3 - CITAÇÃO INDIRETA


Consiste na reprodução não literal das ideias de outro autor, ao invés de copiar literalmente o que foi apresentado por um autor consultado, faz-se uso das próprias palavras ou uma síntese do pensamento captado. por causa disso, citação indireta não é colocada entre aspas nem em outro parágrafo. Porém, deve-se indicar a fonte. 

Paráfrase é a reprodução das ideias do autor com palavras próprias. 

E Condensação a síntese, sem alteração, das ideias do autor. 

EX:

Segundo ALVES (1985), o país atravessa uma estrondosa crise ecológica refletindo o aumento da cultura populista dos mercados emergentes.

4 - CITAÇÃO DE CITAÇÃO


É extrair da obra de um autor uma citação que ele tenha feito de um outro autor. Ocorre como referência a um documento ao qual não se teve acesso, mas do qual se tomou conhecimento. Indicando o nome do autor original, seguido da expressão “citado por” ou “apud” e do nome do autor da obra consultada. Todavia, apenas o autor da obra consultada é mencionado na bibliografia. 

EX:

Segundo Kotler, citado por Kolin (2003, p. 427), “as democracias que experimentaram o socialismo perceberam uma realidade contrastante bem mais aguda que as sociedades capitalistas.” 

A parte que diz 'citado por Kolin' pode ser substituída sem nenhum prejuízo por 'apud Kolin'. 


REFERÊNCIAS

Devem obedecer por padrão a NBR-6023/2002 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). 

Devidamente ordenadas por ordem alfabética, a partir do sobrenome do primeiro autor. 

Em referências com até três autores, todos podem ser citados, separados por ponto e vírgula. Nas com mais de três deve-se citar somente o primeiro autor, seguido da expressão et al. 

EX:

a) Três autores

COELHO, Pedro; SILAS, James; NIEGLE, Petter. Desvios congruentes: processo de aprendizagem. Rio de Janeiro: Petrópolis, 2011.

b) Mais de três autores

COELHO, Pedro et al. Nuanças do beco. Rio de Janeiro: Petrópolis, 2011.


NOTAS


Quando existirem, devem ser numeradas sequencialmente e colocadas no final do artigo, antes das referências bibliográficas, tendo a atenção de não incluir nelas, referências bibliográficas.  

CITAÇÕES NO TEXTO


Tanto no texto como nas tabelas e figuras deve ser feita a indicação do(s) nome(s) do(s) autor(es), do ano de publicação e n da página. 

EX: (LOPES, 1997, p. 237). 

Se forem 2 autores, cita-se ambos, separados por ponto e vírgula. 

EX: (LOPES; OLIVEIRA, 1997, p. 237). 

Se forem mais de três autores, cita-se o primeiro autor seguido da expressão et al. 

EX: (LOPES et al, 1997, p. 237). 

ORGANIZANDO AS REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS


Referencias Unopar

a) LIVROS COM 1 AUTOR


VISIGOTO, F. Promoção e a era do capital básico. 3. ed. São Paulo: Saraiva, 2001.

b) LIVROS COM 2 AUTORES


BARTERX, R.; KLOUDMAN, N. O novo papel empreendedor: a geração Y tecnológica. Rio de Janeiro: NovaTEC, 1999.

c) CAPÍTULOS DE LIVROS


BATISTA, F. Neocapitalismo à parmesiana. In: GENTE EFICAZ, P. (Org.). Pós-neocapitalismo: as políticas agrárias e o estado islâmico. Curitiba: Terra Plana, 1985. p. 22-31.

d) ARTIGOS PERIÓDICOS (mais de 3 autores)


PODWSKF, P.M. et al.  Liderança e seus efeitos sobre a confiança dos seguidores no líder, satisfação e comportamentos de cidadania organizacional. Leadership Quarterly, Greenwich, Conn., v. 1, n. 2, p. 102-140, 1991.

e) TESES


CARVALHAIS, V.Y.J. O ensino do manejo digital para a criatividade: uma análise empírica. 1993. 329 f. Tese (doutorado) – Faculdade de Educação. Universidade Federal de Campina Grande, PB.

f) ARTIGO DE PERIÓDICO (web site)


AQUILES, F.W.; MESSIS, Q.G. As vertentes da formação discente laica: a propositura reflexa imperante. Educa mais, Minas Gerais, v. 27, n. 2, p. 211-227, jul. 2001. Disponível em 'url do site aqui': Acesso em 17 Abr. 2012.

g) e-BOOK (Livro eletrônico) 


RIO DE JANEIRO (Estado). Entendendo o macro crescimento. Rio de Janeiro, 1996. v. 2. Disponível em 'url do site sem aspas': Acesso em 18 mai. 1996.

h) ARTIGO DE JORNAL


DRUMENSTEIN, F. Escola nova vida. Folha de S. Paulo, São Paulo, 16 jun. 2012. Folha Campinas, p. 23.


i) DECRETOS E LEIS


BRASIL. Decreto n. 3.152, de 14 de Abril de 1992. Regulamenta o art. 21 da Lei n. 7.254, de 9 de Abril de 1992, que dispõe sobre a categoria dos aposentados contemplados pela jurisprudência, e dá outras providências. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, n. 19, p. 1535-1587, 21 Abril. 1992. Seção 1.

j) CONSTITUIÇÃO FEDERAL


BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal, 1988.

k) RELATÓRIO OFICIAL


UNIVERSIDADE ESTADUAL DA BAHIA. Relatório 1998. Salvador, 1989.
(mimeogr.)

l) GRAVAÇÃO DE VÍDEO


VIRA-COPOS: o índio de casaca. Rio de Janeiro: Manchete Vídeo, 1987. 1 videocassete (120 min.):VHS, son., color.

M) TABELAS E FIGURAS


Numeradas consecutivamente, em algarismo arábico, na ordem em que forem citadas, encabeçadas pelo respectivo título.

Quadros são identificados como tabelas, seguindo uma única numeração em todo o texto. As ilustrações (fotografias, desenhos, gráficos etc.) são consideradas figuras. Devem ser numeradas, consecutivamente, com algarismos arábicos na ordem citada.

PARA NORMAS COMPLEMENTARES ACESSE -> MODELO DE TCC UNOPAR

VEJA TAMBÉM


- Passo a Passo: Formatando um TCC no Word
- Inserindo Números de Página Corretamente
- Modelo de Relatório de Estágio

6 comentários

Muito bom o conteúdo! Mas tenho dúvidas ainda! Abraço e Parabéns pela página.

Ótimo site. Obrigado, foi de grande valia pra mim.

Muito bom o conteúdo.Me ajudou bastante e parabéns estava direto e de fácil entendimento.

Muito bem explicado parabéns

MUITO BOM!
MAS SERIA MELHOR AINDA SE TIVESSE MODELOS DE IMAGENS DAS EXPLICAÇÕES. FICARIA MAIS CLARO. COMO TEM EM ALGUNS.
MAS OBRIGADO, AJUDOU MUITO!

Valeu mesmo Muito bom!


EmoticonEmoticon